quarta-feira, 19 de maio de 2010

Palhaço de Mim


Lágrimas, risos
sonhos escondidos
em cores de alegrias sem fim
Sou louco... querido...
Procurado... Varrido..
Sou Eu! Palhaço de Mim!
Me prendi em paixões
Me revelei em canções
Que nem tinham a ver comigo
Voando demais...
num desconhecido cais,
encontrei então um abrigo
E debaixo d'um manto de cores
Onde guardo minhas verdades
Sou palhaço de minhas dores
na mais pura realidade!



Monica Heinen

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Will e Louisa, como eu sou depois de vocês.

Olha o sonho de estradas esquisitas, a maturação do que é solidez e a continua ausência de quem partiu dos nossos braços. Tem que fic...